09/04/2010

Vitrine



Neste novo livro de Salman Rushdie, Luka tem 12 anos e sonha em seguir os passos do pai e do irmão mais velho, que já se aventuraram pelo mundo da magia. É então que, sem querer, ele roga uma maldição contra um circo que visita a cidade, cujos animais são maltratados pelo dono, o Capitão Aag. Naquela noite, o circo é destruído por um incêndio. Mas o Capitão Aag se vinga, enfeitiçando o pai de Luka e fazendo-o cair num sono profundo, que acabará por matá-lo se o feitiço não for quebrado. Luka então descobre que o único jeito de salvar o pai é roubando o Fogo da Vida do topo da Montanha do Conhecimento. Ao longo da odisseia de Luka, uma impressionante variedade de mitologias se sucede. Além de ser populado por deuses gregos, romanos, astecas, hindus e nórdicos, o livro também faz alusão ao que se poderia chamar de universo mitológico moderno, como os filmes de Walt Disney, a trilogia De volta para o futuro e o romance Um ianque na corte do rei Artur, de Mark Twain. Escrito num ritmo ágil e com um humor evidente nos jogos de linguagem que temperam a narrativa, Luka e o Fogo da Vida é uma declaração de amor à fantasia, ao mesmo tempo em que chama atenção para as ligações entre imaginação e realidade. (Companhia das Letras)


... ... ...




Criativa e curiosa, esta Fábrica de brinquedos, de Ricardo Girotto, ensina a dar um destino artístico, divertido e ecológico ao lixo. Inédito no mercado de livros infantis, este projeto reúne material reciclado, arte, informações e curiosidades sobre importantes datas comemorativas do nosso calendário. É supercolorido, com textos curtos, ilustrações e fotos detalhadas do passo a passo da construção dos 12 brinquedos, inspirados em datas comemorativas. A sua feitura é acompanhada de informações e curiosidades sobre a data em questão. Com este livro, a criança fantasia e brinca a partir de material reciclado. Tem a oportunidade de ver material do dia a dia de sua casa, que seria descartado como lixo, se transformar em brinquedos criativos e lúdicos: caixa vazia de sapato e pedaços de papelão que viram prédio de escola; embalagem de iogurte, detergente e rolinho de papel higiênico que viram bilboquê... Enfim um livro completo em diversidade de temas e experiências em sala de aula. (Editora Ática)


... ... ...





"Galeio" é uma palavra que vem da infância, do nosso dicionário repleto de brinquedos e brincadeiras. É um impulso, um requebro, um jogo de cintura, um movimento repentino que ajuda a gente a saltar mais alto, pular mais longe, alcançar a outra margem. Assim Chico dos Bonecos define sua obra: um impulso para agarrar outras poesias.

"Galeio" é um livro cheio de beleza para quem vive a vida alegre, brincando seriamente com ela, assim como o arte-educador brinca com as palavras ao construir os poemas. Os poemas-brincadeiras de Galeio fazem a poesia ter vontade de cantar, dançar, brincar... Primeiro livro da "Coleção Madrinha Lua", de poesias para crianças e jovens, Galeio vai encantar adultos e crianças. (Editora Peirópolis)


... ... ...




"O mundo Mendelévio e o planeta Telúria" reúne 44 histórias do escritor e quadrinista mineiro João Marcos, trata de dois irmãos, Mendelévio e Telúria, como tantos outros que existem pelo mundo. Eles brigam, vivem aprontando um com o outro, mas, no fundo, se adoram - mesmo que jamais admitam isso. Este livro traz uma coletânea de suas páginas de quadrinhos, publicadas no jornal Hoje em dia, de Belo Horizonte. (Abacatte Editorial)


... ... ...



Sem brincadeira! Livro de Henrique Félix nos apresenta Guilherme, um garoto que adora ler. Quando sua professora lhe pede que escreva uma redação sobre a coisa que mais gosta de fazer, o menino não cumpre exatamente a tarefa e começa a produzir uma série de textos sobre sua vida em casa e na escola. Ao comentar um livro que a classe está lendo, por indicação da professora, Guilherme fala com entusiasmo da peça de teatro que será apresentada para a autora da tal obra, no dia em que ela visitar a escola. Mal sabe ele que uma grande confusão está para acontecer. Com a participação de Sonia Junqueira e as ilustrações de Jean-Claude R. Alphen, esta divertida história, contada por meio de dez redações, traz uma surpresa final para o leitor. (Editora Positivo)

... ... ...



Antologia de Poemas Portugueses - Para a Juventude foi organizado pela poeta mineira Henriqueta Lisboa. Constam poetas como Fernando Pessoa, Luís de Camões, Carlos Queirós, Antônio Nobre, João de Deus e Florbela Espanca entre outros. O livro faz parte da Coleção Madrinha Lua. (Editora Peirópolis)

... ... ...





Escrito por Elizete Lisboa e ilustrado por Maria José Boaventura, Benquerer bem amar é um livro com duas escritas, tinta-braille, no formato inclusivo. O texto é literário. As ilustrações e o alto-relevo encantam, parece que as páginas do livro foram bordadas. (Editora Paulinas)

... ... ...


O livro O Reino de Popopipi foi escrito e ilustrado por Roseli Fontaniello traz uma mensagem de paciência e confiança de um rei e dos moradores do seu reino em um curandeiro maluco e a importância da higiene no dia-a-dia.
(Edição da Autora)

... ... ...

5 comentários:

Anônimo disse...

Querido PAULO,
que felicidade senti ao ver O reino de Popopipi em seu blog!
Cara, você é demaaaaais!
Abraços fraternos e obrigada.
Roseli

PN disse...

Não por isso, queriiiiiiida!

Anônimo disse...

Paulo,

Fiquei emocionada em ver e ler o seu blog. Nós, escolhecemos as crianças para trilhar nossos destinos e, sempre com muita luta, estávamos no caminho certo. Escolhemos um caminho que nos renova, nos emociona e nos faz sorrir. Qual rotina, profissão, garanta isso hoje? Estávamos certo em caminhar com os pequeninos. bjs

Julieta (juju/Osasco)

João Marcos disse...

Oi, Paulo!
Que alegria ver o Mundo Mendelévio aqui no blog! Fiquei feliz da vida e muito, mas muito agradecido!
Abraço grandão!

PN disse...

João, seu trabalho é uma dádiva para as crianças.

abraços

Paulo Netho