13/10/2010

Xô, passarinho!

O menino passou o dia das crianças na caverna. Uma caverna inventada por ele mesmo. A caverna ficava bem debaixo de um lençol azul. A entrada era uma entrada secreta, também inventada por ele mesmo, e ficava no meio do gordo colchão. De lá, o menino viu uma perna, um passarinho e reclamou assimzinho: "Xô, xô, xô passarinho!" Naquela caverna inventada no feliz por ele mesmo, o menino ficou que ficou se sentindo nas trevas boas do escurinho.

...

2 comentários:

Osni Dias disse...

Olá Paulinho, meio homem, meio passarinho! Feliz em te ver, meu irmão. Parabéns pelo trabalho! Saudades de tu, meu nego. Nos vemos nesse rede imensa. Grande abraço!! Osni Dias

PN disse...

Valeu, Osnitorrinco!
A gente vai se falando.